Compartilhar... - Por Vina Ferreira


Eu tenho hábito de todos os dias, ao abrir meus olhos, agradecer ao Universo por me permitir recomeçar mais uma vez!


Sim, eu vejo cada amanhecer como uma chance de fazer tudo de novo de uma forma diferente. Não sou perfeita, aliás, nenhum de nós é, mas, tento fazer o melhor para mim e para aqueles que me rodeiam, pois eu acredito que toda mudança, começa por meio da minha consciência. Somos dual, uma mistura de bem e mal, de luz e sombra, portanto, somos responsáveis por escolher o que queremos emanar para o mundo.


Eu tenho uma visão muito minha sobre a vida, para mim, viver é uma arte, pois compartilhamos do mesmo planeta, mais que isso, compartilhamos da mesma centelha de vida. Todos nós, sem exceção, trazemos no peito uma chama que brilha e que impulsiona o coração a bater incessantemente, porém, por mais semelhantes que somos, temos o livre arbítrio, o poder da escolha e é isso que nos faz tão diferentes um do outro.


Viemos para este plano com uma meta, um propósito a cumprir, mas nos deixamos levar pelo ego e nos esquecemos que quando um sofre, todos sofremos. O contrário também é fato, pois quando um alcança a iluminação verdadeira, todos nós brilhamos um pouco mais.


Tudo está ligado! Somos parte de um Todo, que também é parte de nós.


Então, por que temos mais sofrimento que alegria no nosso dia a dia?


Porque o homem não pensa no coletivo, pelo contrário, nos tornamos seres individualistas. Cada um luta por si mesmo, as atitudes, na sua maioria, são voltadas para o benefício próprio e não para a coletividade.


O homem é competitivo, está sempre tentando superar o outro, se esquece que o compartilhar é muito mais efetivo, pois quando eu junto o meu conhecimento com o do meu semelhante, criamos uma nova possibilidade e é isso que nos leva ao processo de evolução, pois tudo que é novo nos conduz ao pensamento, ao estudo, ao conhecimento e a descobrir enfim, nossas potencialidades que, acredite, são muitas.


Somos seres pensantes, curiosos, criativos e fomos criados para desvendar as infinitas possibilidades que orbitam nesse enorme espaço vazio que chamamos de Universo, só precisamos aprender a compartilhar, dividir com o nosso semelhante as nossas conquistas, sem ter medo de ficar para trás. Observe, o nosso planeta é redondo, então não precisamos ficar um atrás do outro numa linha reta, mais sim um ao lado do outro, formando um grande círculo de amor, de solidariedade, de compartilhamento.


Há de chegar o dia, em que o homem enfim, vai acreditar de todo coração, que todos estamos no mesmo lugar e que todos somos um e nesse dia, o mundo será perfeito, como foi criado para ser e nós, finalmente seremos completos.


Feliz Dia!

Feliz Vida!

Beijos da Vina

70 visualizações14 comentários

Posts recentes

Ver tudo